Sala de Imprensa
BARRAGEM E CENTRAL DE DAIVÕES
A Iberdrola Generación adjudicou ao consórcio constituído pela MSF e Ferrovial Agroman a construção da Barragem e da Central do Aproveitamento Hidroeléctrico de Daivões, no valor de 92 milhões de euros, com um prazo de execução de 56 meses e meio.
A Barragem de Daivões está incluída no Complexo Hidroeléctrico do Alto Tâmega, composto pelos empreendimentos de Gouvães, Alto Tâmega e Daivões, que funcionam em conjunto. Os trabalhos compreendem a construção de uma barragem em betão, do tipo arco-gravidade, com 77,5 metros de altura e 264,45 metros de comprimento, bem como a execução de:  central hidroelétrica semi-enterrada, equipada com duas turbinas Francis de 110m3/s, perfazendo 118 MW de potência total instalada; circuito hidráulico, formado por duas condutas em túnel com 214m e 291m; duas tomadas de água em betão armado e uma restituição; túnel de desvio com 388 metros; bacia de dissipação; e duas ensecadeiras, uma a montante e outra a jusante.



Voltar